Pular para o conteúdo principal

A cozinha e a dieta mediterrânea


O cardápio da próxima semana 
será  baseado na Cozinha Mediterrânea
Uma das características da cozinha mediterrânea é a sua sazonalidade. Ela respeita o ciclo dos alimentos durante as estações do ano, é multicultural, porque abarca uma infinidade de características destes povos que passaram por várias mudanças ao longo dos séculos, com influências de outras culturas; e natural, porque respeita os alimentos da terra. O cardápio mediterrâneo se caracteriza pela riqueza de legumes, verduras, grãos, feijões, cereais, peixes e frutos do mar.
Grão-de-bico, lentilha, azeitona, tomate, berinjela, pimentão, abobrinha, entre outros, são ingredientes tipicamente mediterrâneos. As safras se refletem nas mesas dos restaurantes. De produtos como abobrinha, berinjela e pimentão aparecem os deliciososratatouilles, por exemplo.
Vários pratos famosos no mundo surgiram na região mediterrânea. A paella valenciana, além de ser a receita mais elaborada, revela-se uma das mais executadas fora daquela região. O gazpacho andaluz, que tem como protagonista o tomate - ingrediente versátil, sem o qual desapareceria boa parte do cardápio mediterrâneo. Um passeio pela Itália nos remete aos incomparáveis antipasti, sem falar na célebre capponata siciliana, e no pesto genovês, o principal molho frio para massas, à base de pinoli, manjericão, alho, óleo de oliva e queijo pecorino ralado na hora. A França exportou abouillabaisse, uma sopa originária de Marselha, feita com peixes, mariscos e frutos do mar, perfumada com ervas e especiarias como o açafrão. A tapenade, uma pasta provençal à base de alcaparras, azeitonas pretas, anchovas dessalgadas e atum, amassados em purê, é outra iguaria francesa. Diferentemente do que acontece com os pescados, reverenciados à mesa, a carne é saboreada com parcimônia. Nas receitas regionais surge como condimento - em legumes recheados ou ensopados. Talvez o mais representativo prato de carne da cozinha mediterrânea seja omoussaka grego, uma saborosa associação de fatias de berinjela, intercaladas com tomate e carne de cordeiro,  temperados com especiarias e óleo de oliva.
Agora, se você quiser um cardápio com base na dieta mediterrânea para perder peso, aqui tem um cardápio completo para uma semana.

Postagens mais visitadas deste blog

10 produtos para limpeza de azulejos

Dê adeus aos azulejos engordurados, com manchas de mofo, encardidos, sujos e opacos.

Nada como ver tudo brilhando e com aspecto limpo e saudável. Mesmo que a casa seja antiga, alugada ou emprestada é importante que a manutenção seja feita com frequência.
Hoje eu trouxe uma lista de 10 produtos para essa limpeza. Veja o que você tem em casa e simplesmente faça. Limpe uma parte de cada vez, sem exageros e aos poucos você verá a diferença.
1. Água sanitária  Aplique água sanitária pura com um pincel nos pontos que apresentam mofo. Deixe descansar por 10 minutos. Esfregue,  enxágue e seque. Utilize luvas e máscara e trabalhe com portas e janelas abertas.
2.Álcool  Passe um pano com álcool para manter o brilho e afugentar insetos.
3. Amido Azulejos brancos podem ser enxaguados com uma mistura de uma colher de amido de milho para cada litro água. O aspecto será de muito brilho e renovação dos rejuntes. Porém, apesar do visual lindo, a durabilidade é pequena.
4.Bicarbonato de sódio Faça uma pas…

Você conhece Lysoform?

Lysoform é um produto antigo eu diria, vintage. Aqui em casa, Lysoform Bruto continua fazendo sucesso na limpeza semanal dos os pisos. Utilizo diluído na proporção de ½ copo para 10 litros de água.
O produto foi fabricado pela empresa Milana com tecnologia alemã, até outubro de 2008, quando a marca Lysoform foi comprada pela Bom Bril.
Há pouco tempo a Bom Bril divulgou um documento que mostra a diferença entre os produtos Lysoform que achei muito útil e por isso trouxe para vocês.
Lysoform Bruto- Eficaz na Desinfecção de vasos sanitários, lixeiras e ralos, recomendável o (uso puro) . Possui ação bactericida/ e germes, que causam doenças, na limpeza domestica em quintais, lavanderias, paredes, e locais com animais. Para lavagem de roupas utilizar sempre no processo final da lavagem. Não é necessário enxaguar, porem recomendamos um teste em pequena área escondida do tecido, para certificar-se que não mancha. Bruto Plus Suave- As mesmas funções e composição da versão bruta. Porém possui od…

Como limpar estofados em tecido

Os estofados em tecido precisam ser aspirados toda semana para se manterem bonitos

Para a limpeza de manchas consulte a etiqueta e as orientações do fabricante. Caso não encontre, teste as seguintes receitas caseiras em uma parte não aparente do estofado. Utilize sempre panos de algodão branco e não esfregue o tecido para não descolorir ou desgastar.
1. Misture 1 colher de detergente neutro (transparente) em 1 litro de água morna. Agite a mistura até formar uma espuma abundante.Coloque a espuma lentamente sobre a mancha e esfregue com uma escova de cerdas macias.Remova o excesso de água com uma toalha de papel ou um pano branco seco.
 2. Após a limpeza com detergente  Prepare uma solução de 1 litro de água morna com 1 colher de vinagre e passe com pano limpo para avivar as cores.Deixe secar normalmente ou ajude com um secador de cabelos com temperatura baixa.Não se preocupe com o cheiro do vinagre pois sai assim que secar.
 3. Para limpar a seco  Polvilhe uma camada uniforme de bicarbonat…