29 de dezembro de 2012

Salada Americana

Sugestão para o Ano Novo

A salada americana chegou ao Brasil nos anos de 1980 como uma grande novidade. Ela pode ser servida como entrada ou como um prato completo nutritivo pois possui carboidratos, proteína, fibras e muito sabor.

Salada Americana
Pão em quadrados pequenos
Azeite 
Alface americana – 1 bouquet
Peito de frango defumado ou grelhado - 500gr
Queijo ralado – 1 xícara de chá

Molho
Maionese - 8 colheres de sopa
Creme de leite- 8 colheres de sopa
Limão - 2 colheres de sopa
Azeite - 2 colheres de sopa
Sal e pimenta - á gosto

Modo de preparo
Corte o pão de forma em cubinhos regue alguns fios de azeite por cima e polvilhe parmesão. Leve-os ao forno até dourar. Você terá os croutons.
Corte o peito de frango em cubos pequenos, tempere com um pouco de sal e pimenta do reino, com a ajuda de uma frigideira grelhe os cubinhos com um pouco de manteiga de leite. Reserve
Em outro recipiente, misture a maionese, o creme de leite e o azeite. Acrescente o alho refogado, o parmesão ralado e o limão. Acerte o sal se necessário.
Em seguida, corte as folhas de alface com suas próprias mãos.
Acrescente o molho à alface, monte um prato com as folhas temperadas, guarnecidas com o frango grelhado, os croutons, os crisps de bacon e o parmesão ralado.
Dicas

Para torrar o bacon, leve-o já cortado em cubinhos ao forno baixo para secar e ficar bem crocante. Deixe esfriar antes de juntar aos demais ingredientes.
Você pode usar uvas passas ou damasco para dar um leve toque agridoce ao seu prato, também pode usar lascas de amêndoas torradas.
Receita  adaptada do Chef Paiva Neto

                                        Sirva acompanhado de arroz com lentilhas e assado suíno

História
Existem muitas versões sobre sua origem. Uma delas diz que diz que ela foi criada na cidade de Tijuana (México) pelo Chef Livio Santini de origem italiana no final da década de 1930, na cozinha do restaurante do Hotel Caesar’s, propriedade de César Cardini. Alguns pilotos norte-americanos chegaram ao hotel e pediram uma simples salada. Com a falta de tomates ou outros ingredientes típicos, o Chef Santini seguiu uma velha receita familiar com a que sua mãe os alimentava no sul da Itália em tempos difíceis: uma lechuga romana, ovos, trocitos de pan fritados ao azeite, queijo seco, azeite de oliva, umas gotas de molho inglês e zumo de limão.
A salada foi um sucesso e batizada inicialmente como “salada dos aviadores”, e com o tempo César Cardini registrou-a como própria e a internacionalizou. Com o tempo a receita foi modificada para ser degustada com frango, anchovas, pedaços de pão frito com bacon, com camarões e um sem fim de ingredientes.
Com o tempo a receita foi modificada para ser degustada com frango, anchovas, pedaços de pão frito com bacon, com camarões e um sem fim de ingredientes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Sua opinião é muito importante!

Voltar ao topo