7 de julho de 2014

O perigo dos ácaros para a sua família

Com a chegada do inverno, a ameaça que está presente no cotidiano aumenta e pode causar sérios problemas para toda família. Os ácaros são seres minúsculos, visíveis apenas com a ajuda de um microscópio, mas que podem causar danos para a saúde.

Esses pequenos aracnídeos conseguem se espalhar por diversos ambientes e são raramente notados, além disso, acredita-se que haja cerca de 48 mil espécies diferentes deles. Os sintomas de sua presença nos seres humanos, entretanto, são bastante visíveis e causadores de diversas doenças, como rinite, asma, dermatites e diversas alergias.

E como funciona o organismo dos ácaros?

Todos os dias nosso corpo solta sobre o colchão várias camadas de células da pele, que são substituídas com frequência. Essas células mortas formam escamas e, junto com restos de alimento, poeira e suor, formam o alimento perfeito para esses pequenos bichinhos. O perigo reside nos excrementos deles, que entram em decomposição e liberam toxinas no ar. Essas substâncias, quando inaladas, geram doenças respiratórias, irritações na pele, conjuntivite, entre outras doenças.
Além das alergias, alguns tipos de ácaro conseguem parasitar o corpo humano. Eles atingem os folículos pilosos e as glândulas sebáceas e são os responsáveis pela formação dos conhecidos cravos. Em alguns casos podem evoluir para sarnas e causar irritações e coceiras severas. Por se reproduzirem com extrema rapidez, as colônias se multiplicam com facilidade. Acredita-se que uma fêmea adulta ponha cerca de 200 ovos e as ocorrências de doenças aumentam muito principalmente no inverno.




Os ácaros são responsáveis por cerca de 70% das doenças respiratórias e a melhor forma de eliminá-los é a higienização constante. Para os alérgicos, a dica é evitar travesseiros de plumas e cobertores, já que acumulam mais colônias. O ideal é trocar por materiais sintéticos como látex e espuma, além de edredons, ou cobrir com capas protetoras antiácaro. O mais indicado é ter um colchão novo e mantê-lo sempre dentro da validade, ficando atenta para quando e como trocá-lo. Passe o aspirador sobre eles semanalmente. Estima-se que com apenas um ano de uso milhões de ácaros já estejam instalados. Além desses cuidados, é necessário manter o chão e carpetes livres de poeiras e lavar cortinas com frequência. Banhos de sol também são uma ótima opção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Sua opinião é muito importante!

Voltar ao topo