Pular para o conteúdo principal

Como arrumar a mesa

Você tem dificuldades para arrumar a mesa para um jantar? Para ajudar, compilei este trecho do livro A Mesa. Guarde para usar nas horas de dúvida, ou para orientar alguém. Afinal, esta não é matéria de escola. Veja o texto e acompanhe na foto da capa.

Coloque primeiro os pratos rasos. Pratos de sopa vêm para a mesa já servidos antes dos comensais se sentarem. A seguir, coloque os talheres: à direita fica a faca maior, com o corte voltado para o prato; a seu lado, a faca de peixe e a colher de sopa - ou uma menor para consomê; também a direita é o lugar correto para o garfo de melão.
À esquerda, junto ao prato, fica o garfo maior. A seu lado, o garfo de peixe. Quando a salada for servida como entrada (e nesse caso é melhor não haver sopa), poderão ser colocados talheres menores, de sobremesa, ao lado dos maiores (o garfo à esquerda e a faca à direita) para serem usados com a salada.
Não coloque mais do que três talheres em cada lado. Os talheres de sobremesa poderão já estar dispostos: encostado no prato, acima dele, coloca-se primeiro a faca com o corte voltado para baixo e o cabo, para a direita, somente quando houver no cardápio frutas que serão cortadas ou descascadas à mesa; mais a cima o garfo com o cabo voltado para a esquerda; por último a colher com o cabo voltado a direita. Eles também podem vir mais tarde, acompanhando o prato de sobremesa.
A distribuição dos talheres tem lógica, pois serão usados em ordem, das extremidades para dentro.
Acima e à esquerda fica o pratinho de pão, poderá ter uma faquinha de manteiga atravessada sobre seu bordo superior. Esse espaço poderá também ser ocupado pelo prato especial de salada ou pela lavanda, pequeno recipiente com água que será colocado no momento certo para lavar os dedos.
Acima e a direita ficam os copos, enfileirados por ordem de tamanho e também de uso. Junto aos talheres de sobremesa fica o de água (o maior); à sua direita, o de vinho tinto (o médio); por último, o de vinho branco (o menor). O de champanhe fica acima dos de vinho. Os copos não precisam pertencer a um mesmo jogo. Pode-se misturar peças desiguais, desde que formem um conjunto harmonioso. O de vinho tinto deve ser, de preferência, branco e bem transparente, para que se veja a cor e a limpidez da bebida.
Guardanapos ficam à esquerda ou sobre o prato, dobrados de forma simples, jamais sob qualquer talher.
Um princípio geral é que só se coloca o que vai ser usado. Se você, por exemplo, não vai servir peixe ou frutos do mar, nem vinho branco, é evidente que não precisa colocar os talheres especiais nem o copo menor.

A capa diz tudo


Postagens mais visitadas deste blog

10 produtos para limpeza de azulejos

Dê adeus aos azulejos engordurados, com manchas de mofo, encardidos, sujos e opacos.

Nada como ver tudo brilhando e com aspecto limpo e saudável. Mesmo que a casa seja antiga, alugada ou emprestada é importante que a manutenção seja feita com frequência.
Hoje eu trouxe uma lista de 10 produtos para essa limpeza. Veja o que você tem em casa e simplesmente faça. Limpe uma parte de cada vez, sem exageros e aos poucos você verá a diferença.
1. Água sanitária  Aplique água sanitária pura com um pincel nos pontos que apresentam mofo. Deixe descansar por 10 minutos. Esfregue,  enxágue e seque. Utilize luvas e máscara e trabalhe com portas e janelas abertas.
2.Álcool  Passe um pano com álcool para manter o brilho e afugentar insetos.
3. Amido Azulejos brancos podem ser enxaguados com uma mistura de uma colher de amido de milho para cada litro água. O aspecto será de muito brilho e renovação dos rejuntes. Porém, apesar do visual lindo, a durabilidade é pequena.
4.Bicarbonato de sódio Faça uma pas…

Você conhece Lysoform?

Lysoform é um produto antigo eu diria, vintage. Aqui em casa, Lysoform Bruto continua fazendo sucesso na limpeza semanal dos os pisos. Utilizo diluído na proporção de ½ copo para 10 litros de água.
O produto foi fabricado pela empresa Milana com tecnologia alemã, até outubro de 2008, quando a marca Lysoform foi comprada pela Bom Bril.
Há pouco tempo a Bom Bril divulgou um documento que mostra a diferença entre os produtos Lysoform que achei muito útil e por isso trouxe para vocês.
Lysoform Bruto- Eficaz na Desinfecção de vasos sanitários, lixeiras e ralos, recomendável o (uso puro) . Possui ação bactericida/ e germes, que causam doenças, na limpeza domestica em quintais, lavanderias, paredes, e locais com animais. Para lavagem de roupas utilizar sempre no processo final da lavagem. Não é necessário enxaguar, porem recomendamos um teste em pequena área escondida do tecido, para certificar-se que não mancha. Bruto Plus Suave- As mesmas funções e composição da versão bruta. Porém possui od…

Como limpar estofados em tecido

Os estofados em tecido precisam ser aspirados toda semana para se manterem bonitos

Para a limpeza de manchas consulte a etiqueta e as orientações do fabricante. Caso não encontre, teste as seguintes receitas caseiras em uma parte não aparente do estofado. Utilize sempre panos de algodão branco e não esfregue o tecido para não descolorir ou desgastar.
1. Misture 1 colher de detergente neutro (transparente) em 1 litro de água morna. Agite a mistura até formar uma espuma abundante.Coloque a espuma lentamente sobre a mancha e esfregue com uma escova de cerdas macias.Remova o excesso de água com uma toalha de papel ou um pano branco seco.
 2. Após a limpeza com detergente  Prepare uma solução de 1 litro de água morna com 1 colher de vinagre e passe com pano limpo para avivar as cores.Deixe secar normalmente ou ajude com um secador de cabelos com temperatura baixa.Não se preocupe com o cheiro do vinagre pois sai assim que secar.
 3. Para limpar a seco  Polvilhe uma camada uniforme de bicarbonat…