28 de setembro de 2014

10 dicas para combater o estresse

Com a correria do dia a dia as pessoas se estressam com muita facilidade. Até as crianças são vítimas deste mal do século. Veja dez dicas de especialistas no assunto.



  1. Esqueça o perfeccionismo - Não deixe que o medo de fracassar a paralise. Faça a lista de prioridades porque nem todas as tarefas exigem que você se mate por elas.
  2. Não exija muito das férias - Férias são férias. Infelizmente elas têm surtido pouco efeito, o investimento psicológico nas férias é tão grande que as pessoas acabam se frustrando. Esqueça o trabalho no período de férias.
  3. Limpe a mesa - Organize-se. Uma mesa atulhada de papéis dando a impressão de muito trabalho só desgasta. Livre-se dos papéis. Crie arquivos para guardá-los.
  4. Organize sua agenda - Uma forma de ganhar tempo é fazer uma lista de projetos que devem ser realizados. Inclua os de curto e os de longo prazo. Mantenha a lista ao alcance dos olhos.
  5. Respire - Mantenha o costume de parar algumas vezes durante o dia, pois esta prática ajuda a pessoa a se acalmar. Feche os olhos por alguns minutos, dê uma volta pelo corredor, converse com as pessoas.
  6. Evite interrupções - Se precisar fazer um trabalho que requer muita concentração, não há nada pior do que as interrupções a toda hora. Marque uma reunião com você mesma como se o fizesse com algum amigo. Vá para um lugar isolado onde ninguém a encontrará e não atenda ao telefone.
  7. Vá para casa na hora - Os viciados em trabalho dão a vida pela carreira, mas nem sempre são recompensados por isso. Trabalhar até altas horas pode passar a ideia de que você não dá conta do recado.
  8. Pergunte - Você precisa saber o que esperam de você. Não há nada mais estressante do que fazer um  trabalho inútil.
  9. Envolva-se mais - Quanto maior o envolvimento, o controle sobre o seu próprio trabalho, menor é a chance do estresse. 
  10. Mude o canal - Procure não pensar obsessivamente naquilo que a aborreceu, como por exemplo, uma discussão. O desgosto vivido naquele momento retorna como um elástico teimoso. Perdoe!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Sua opinião é muito importante! RoArchela

Voltar ao topo