31 de março de 2015

Sai a empregada doméstica, entra a divisão de tarefas

As mudanças do perfil socioeconômico das trabalhadoras domésticas no Brasil exigiram uma readaptação das famílias na divisão do trabalho doméstico e no papel do Estado em relação a organização social e oferta de serviços públicos.

Muitas famílias, já enfrentam a nova realidade assumindo a responsabilidade das tarefas domésticas, mas é preciso começar cedo.


A nova divisão doméstica do trabalho já começa a aparecer nas estatísticas da  Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD). Cerca de  90% das mulheres realizam tarefas domésticas contra 50% dos homens. Enquanto elas dedicam 20 horas semanais nessas atividades, eles gastam a metade, mas este já é um dado positivo para um país sem tradição masculina de trabalhos domésticos.

Nos EUA, homem que limpa casa e lava roupa também é um assunto relativamente novo e os fabricantes de produtos de limpeza doméstica estão observando com atenção a mudança comportamental ao longo do tempo, com mais homens lavando pratos, esfregando o chão e lavando roupas.

No entanto, muitas mulheres acham difícil parar de administrar tudo nos mínimos detalhes e deixar grande parte das tarefas sob a responsabilidade deles. O que você acha, os resultados tem sido satisfatórios?

Créditos da foto

5 comentários:

Voltar ao topo