29 de julho de 2017

Painel vazado cobogó

Nos últimos anos, o cobogó voltou com força total na decoração, podendo ser encontrado em materiais diversos, como mármore, vidro, cerâmica ou madeira.  Além do efeito decorativo, fornecem iluminação, circulação adequada de ar e maravilhosos efeitos de sombra nos ambientes. 

Os charmosos blocos vazados, que hoje tomam forma a partir dos mais variados materiais, foram inspirados em elementos da arquitetura árabe e assim batizados pelos seus criadores, a partir de suas iniciais: Amadeu Oliveira Coimbra, Ernest August Boeckmann e Antônio de Góes. CO-BO-GÓ.

Os três moravam em Recife, no início do século XX e trabalhavam na construção civil. A criação em 1929, foi uma solução para amenizar as condições climáticas no interior das casas nordestinas, e levantar paredes sem vedar a entrada de ar no ambiente. Uma ideia simples e barata, que se popularizou rapidamente, passando, nos anos 1940 e 1950, a ocupar também o interior de casas, servindo como divisória de ambientes. Adotado pela arquitetura modernista, esse recurso passou por mutações, e foi muito usado na construção da nova capital, sendo facilmente encontrado em casas e prédios públicos do plano piloto. (http://anualdesign.com.br/blog/5887/a-origem-do-cobogo/)

Os painéis vazados são feitos de diversos materiais entre eles, o Oriented Strand Board (OSB) é um painel estrutural de tiras de madeira orientadas perpendicularmente, em diversas camadas, o que aumenta sua resistência mecânica e rigidez. Essas tiras são unidas com resinas aplicadas sob altas temperaturas e pressão. É um produto de grande resistência mecânica, ecologicamente correto, durável, versátil e de qualidades absolutamente uniformes. Os painéis são compostos predominantemente de madeira reflorestada e florestas manejadas, emulsão de parafina e resinas fenólica, ureia, formol e melamina. Embora sua forma de produção seja semelhante a do aglomerado, que é a junção de partículas de madeira por cola, pressão e calor, ele funciona como substituto do compensado, com ótima qualidade, durabilidade e beleza.


Cada painel vazado é elaborado em Router CNC a partir de arquivo vetorial elaborado por profissionais especializados, com padronagens a escolha do cliente.

A Techarc coloca seu projeto em evidência com ótimo acabamento e rapidez no processamento de pedidos. São peças de qualquer medida até 50X50cm com espessuras de até 4cm nos materiais: 

MDF - crú, um lado branco, amarelo, vermelho, ou ambos os lados em MDF preto.
OSB - Dois lados são iguais e podem ser utilizados crú, envernizados, ou pintados na cor escolhida.
Madeira - madeira de reflorestamento eucalipto, pinus ou madeira de demolição.

E-mail - edi.eeq@gmail.com
Watsapp-(43)99647-7425
facebook.com/edson.archela

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita. Sua opinião é muito importante!

Voltar ao topo