15 de janeiro de 2018

Sorteio beneficente - concorra a uma agenda de casa 2018


Acompanho de perto o trabalho da ONG Resgate Comunidade Terapêutica, que há mais de 20 anos trabalha com dependentes químicos na Recuperação de Vidas em Londrina. 

Se você puder contribuir com o Resgate CT, faça uma doação  a partir de R$5,00 e concorra a uma Agenda de Casa 2018  pela loteria federal em  3 de fevereiro de 2018. (Cancelado por falta de interessados)

Regras do Sorteio

1. Coloque seu nome nos comentários à medida que fizer a doação na conta do Resgate.

3. O ganhador será o que tiver os números finais mais próximos do primeiro prêmio sorteado pela loteria federal, dependendo do total de inscritos que doaram para o Resgate: unidade, dezena ou centena.

4. Caso o ganhador não comprove a doação feita para o Resgate, não poderá receber o prêmio (Agenda de Casa).

5. A não comprovação do primeiro ganhador após 36 horas, dará direitos ao prêmio para o segundo ganhador.

6. Somente serão válidas as respostas dadas aqui no blog e não no Face ou outro meio digital.  



Reflexão sobre o trabalho voluntário

Qual é o valor efetivo de pouco mais de duzentos reais? Esta foi a pergunta que fiz depois de um sábado inteiro de chuva intensa. Meu dia foi de muito trabalho. Cozinhei, lavei, passei e arrumei minha casa. Recebi meus filhos. Servi  almoço e café. 

Enfim,  foi um dia feliz como muitos outros. Conversamos e refletimos sobre a vida, falamos das dificuldades políticas que o país atravessa no atual momento histórico, sorrimos com nosso neto, afinal, quem não se alegra com um bebê?

Mas sábado é também dia de compras, dia de ir ao shopping center, como estamos na segunda semana do mês, é dia que geralmente as pessoas compram um pouco mais,  é dia de promoções, dia de bazar.

Hoje foi dia de bazar do Resgate no bairro dos Eucaliptos em Londrina. Dia de muito trabalho voluntário, um dia inteiro com três pessoas trabalhando o sábado todo, voluntariamente. Acompanho de perto o trabalho do Resgate, durante a semana à distância, e as vezes de perto também, pois há muito a fazer, mas desta vez eu não estava lá.  

Quando soube do resultado confesso que fiquei desapontada. Tanto trabalho, tanto voluntariado,  mas, poucos resultados e poucos valores.  Aluguel se paga com dinheiro, luz, água, alimentos, remédios, e combustíveis também, embora se receba muita coisa em doação, falta muito do que é preciso comprar e pagar com dinheiro vivo, sem crédito, à vista mesmo. O bazar do Resgate funciona para gerar a renda que é revertida integralmente para esse fim. 

O valor recebido hoje no bazar, que não é diferente dos demais realizados uma vez ao mês, geralmente, dá pra pagar quase metade do aluguel da casa, ou comprar quase uma cesta básica para uma pessoa, mas são 40 internos atualmente. Dá para imaginar o tamanho da dificuldade e a luta dessa instituição e de tantas outras, espalhadas por este país, que tentam resgatar vidas? Você já pensou nisto alguma vez?  Pessoas que trabalham nestas áreas têm coragem e precisam muito de nosso apoio. 

O Resgate precisa de nossas contribuições e de nosso coração amigo, vamos ajudar quem ajuda  contribuindo financeiramente!


Um comentário:

Voltar ao topo